terça-feira, 23 de novembro de 2010

Quem casa quer casa... Será?!?!


Todo mundo já ouviu o velho ditado "quem casa, quer casa", não é mesmo? Afinal, tudo o que os pombinhos recém-casados desejam é curtir um ao outro, aproveitar a privacidade para namorar bastante, e começar a construir uma nova vida em comum!

Segundo a experiência comum, após a fase da lua-de-mel (que não corresponde apenas ao tempo da viagem, obviamente, mas sim àquele período do encantamento com o fato de estar finalmente casado com a pessoa amada), o casal entra numa fase muito difícil: a de ADAPTAÇÃO.

É triste, mas é verdade, queridas amigas: a lua-de-mel não dura pra sempre (por isso mesmo, curtam essa fase intensamente! rs rs rs)! Por maior que seja a intimidade antes do casamento, se os noivos não compartilhavam ainda o mesmo teto no dia-a-dia, a coisa é complicada.

Desde a hora que acordarem até o momento em que forem dormir, vocês dividirão a MESMA CASA. Sim, as pessoas trabalham, estudam, e a grande maioria dos casais modernos passa o dia quase inteiro na rua por conta disso. Mas, TODO DIA vocês vão voltar pra mesma casa, e conseguirão enxergar hábitos que jamais poderiam imaginar um no outro - alguns suportáveis, outros nem tanto.

E aí começa um MOMENTO CRÍTICO: o que fazer quando a pessoa não quiser tomar banho depois de um dia inteiro na rua, quando você encontrar a toalha molhada em cima da cama, o banheiro todo molhado, os copos usados em cima da mesa da sala, os sapatos jogados na entrada de casa, as roupas espalhadas por todo canto... Como reagir nessas horas, pra evitar que todo aquele clima de felicidade vá por água abaixo por causa de uma briga por motivo banal?

Meninas, sinto dizer que eu também NÃO SEI!!!  Só ouço dizer é que as pessoas precisam conversar, e mostrar para o outro aquilo que incomoda, logo no início, pra não criar hábitos que deixam o outro incomodado, insatisfeito, engolindo sapos para manter as coisas aparentemente bem.

Claro que é difícil apontar defeitos, criticar os costumes do outro, e num primeiro momento parece ser mais vantajoso fingir que não se importou, ou resolver sozinha (colocando as coisas no lugar, por exemplo), mas essa é uma FALSA segurança - ninguém aguenta ficar insatisfeito a vida toda! Assim, acho que é melhor dialogar, com jeitinho, senão, um dia a casa cai...

Então, imagina se você TIVER que encarar tudo isso na casa dos sogros, ou dos pais, ou morando com irmãos, tios, sei lá!? Além de não ter privacidade, sempre vai ter alguém pra se meter, pra apontar os defeitos que nem você enxerga no outro, pra ouvir o que vocês estão discutindo, pra cobrar de você uma atitude, ou pra criticar aquilo que você faz ou deixa de fazer! Difícil...

Acho que foi daí que surgiu a expressão "quem casa, quer casa". De onde mais? Quem sabe o casal não resolve sozinho seus problemas, suas crises, e atravessa a fase de adaptação numa boa,  sem a interferência de ninguém!?

Realmente, existem muitos casais que não têm condições financeiras de sair de casa, ou mesmo precisam estar perto dos pais porque são idosos, doentes, ou pra ter com quem deixar os filhos, etc, etc, etc. Então, muitas vezes não tem jeito, o negócio é se adaptar, tentar preservar ao máximo a privacidade, a intimidade, a vida do casal, pra evitar aborrecimentos. Paciência, também não é por causa disso que um casal que se ama de verdade vai deixar de ser feliz, né?

Até porque, tem muitos casais que simplesmente se acomodam na casa dos pais, são dependentes não exatamente no sentido financeiro, mas sim emocional. É difícil para algumas pessoas assumir que cresceram, que podem ter suas próprias responsabilidades, assumir uma casa, uma família. Não por falta de dinheiro, mas por comodidade mesmo - pra não ter que se preocupar com a empregada que faltou, com a data de vencimento das contas, com a torneira que quebrou, com a reunião de condomínio, pra não fazer supermercado...

Nesses casos, a pessoa é quem sabe - está fazendo uma escolha, e paga o preço. Se não tem coragem pra construir seu próprio lar, tem que seguir as "regras" dos donos da casa, aceitar suas decisões, pois são eles que mandam no pedaço. Sinceramente, não julgo ninguém, mas não consigo entender quem pensa assim. Pra mim, é muito difícil continuar me "submetendo" às regras da "casa da minha mãe", porque me sinto exatamente assim, como se não fosse mais a "minha casa" e sim a casa dela, e já não vejo a hora de ter meu cantinho, meu espaço, enfim. Cada um na sua, e eu respeito quem pensa diferente. Só não entendo...

Bom, tem também aquelas histórias de pais que se dão perfeitamente bem com os filhos e genros/noras, como verdadeiros amigos, não implicam com nada, e jamais se meteriam na vida dos filhos - mas isso é coisa rara de se ver, convenhamos, né? Os pais que me desculpem, mas isso tá mais pra história de pescador... Rs rs rs

Por tudo isso é que eu ainda concordo com o velho ditado: quem casa, realmente quer casa. Nada como o casal ter seu espaço, poder conversar tranquilo pra tentar resolver os problemas domésticos, com diálogo, grito ou com beijo, sem mais ninguém participar.

Afinal, se é pra aplicar ditados populares, aqui vai outro: "em briga de marido e mulher, não se mete a colher". E isso não vale só pra brigas, é claro, vale pra tudo - na vida de um casal, ninguém deve mesmo meter a colher, o nariz, nadinha de nada, se não for chamado. Eles têm que se entender, sozinhos.

Agora, quer coisa mais difícil do que não se meter no que acontece debaixo do mesmo teto em que você mora? Ainda assim, tem muita gente que consegue, e vive uma vida inteira assim... Mas quando se trata de "defender" os próprios filhinhos, a coisa sempre acaba mudando de figura, né?!

Por essas e por outras, acredito que o ideal ainda é o casal fazer um esforço pra ter seu próprio "ninho". Pode ser chique ou modesto, próprio ou alugado, super decorado ou só com o mínimo necessário, não importa. 

O que vale é poder dizer, literalmente, "ENFIM, SÓS!" e começar a nova vida no lar, doce lar, com muito AMOR!

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Identidade Visual



"Identidade visual é o conjunto de elementos formais que representa visualmente, e de forma sistematizada, um nome, idéia, produto, empresa, instituição ou serviço. Esse conjunto de elementos costuma ter como base o logotipo, um símbolo visual e conjunto de cores." (1)

Não entendeu?

Fique tranquila, vou explicar e colocar você por dentro: a última moda nos casamentos, seguindo a tendência das festas cada vez mais personalizadas, é criar uma identidade visual para o seu casamento!

Mas, o que é afinal a identidade visual de um casamento?

Simples - são todos aqueles elementos que, uma vez reunidos, formarão uma combinação exclusiva para identificar AQUELE casório, fazendo com que ele não seja igualzinho a nenhum outro, como:
- a combinação de  cores,
o estilo (rústico, clássico, romântico, futurista, cômico...)
- os padrões dos tecidos e papéis utilizados (lisos, listrados, estampados florais, de bolinhas, estampas modernosas...)
- as fontes (do convite, tags, etc)
- os acabamentos (lacinhos, rendinhas, etc)
as imagens (caricaturas, gravuras, uma logomarca que tenha a ver com alguma característica do casal, etc)
- ... e tudo o mais que se possa ver no antes, durante e depois do casamento!!!

Ou seja: o chique agora é customizar! E isso vale pra tudo, desde o convite, passando pelos mínimos detalhes da decoração, o site do casamento, as lembranças oferecidas aos convidados, os tags de agradecimento,  acessórios, marcadores de lugar, T-U-D-I-N-H-O!!!

Assim, por exemplo, o casal cria um monograma com suas iniciais e uma figura, usando uma determinada cor e fonte, e define como padrão um tecido de listras em tons daquela mesma cor. Pronto: aquele monograma vai aparecer não apenas no convite, mas também nos tags das lembrancinhas, em porta-guardanapos, no texto que vem dentro dos bem-casados, no telão quando for passar o vídeo-retrospectiva, no livro de assinaturas, e onde mais puder! E as listras? Essas então aparecerão nas embalagens dos bem-casados, nas sobretoalhas, no envelope do convite, nas almofadas do lounge, nas latinhas de balinhas, nas sacolinhas de lembranças... Em toda a parte!

A idéia não é incrível?!?!? Imagina, tudo feito sob medida para o gosto dos pombinhos, que terão a certeza de que nunca haverá um casamento igualzinho ao seu!!! É tudo, né, gente?

Mas, não posso esconder de vocês que essa fofura toda tem uma parte ruim: ter que ESCOLHER!!!! Quando você começa a pensar no casamento, pode até achar que já tem tudo super decidido, sabe as cores que gosta, o estilo da decoração... Mas, quando começa a pesquisar, fica totalmente perdida! É tanta coisa linda, tanta novidade, tanta combinação de cores e padrões que a gente nem imaginava existir... Aff!

Vejam só o meu exemplo: quando comecei a pensar na decoração do casamento, jamais pensaria em usar bolinhas, listras ou estampas, só imaginava tecidos e papéis numa única cor, ou mesclados no máximo com branco; hoje, estou a ponto de enlouquecer diante de tantas possibilidades LINDAS que tenho visto por aí no mundinho da web! Tem cada decoração com listras que é de babar, gente, e outras com bolinhas, e outras com estampas tão delicadas, e outras que ainda misturam os padrões e acabam dando certo!!! E as decorações rústicas? Tenho visto cada uma mais linda que a outra!!!

Meninas, acreditem, a única certeza que ficou é que tem que ter rosa na minha identidade visual. Tem que ser, não tem jeito, eu sou uma pessoa, vamos dizer assim, SUPER ROSA. (Não é que eu ande vestida de rosa o tempo ou que tudo meu seja rosa, é simplesmente aquele JEITO ROSA DE SER, se é que vocês me entendem!) Fora isso, tudo é incerto!

Estou dividida entre as várias combinações - o rosa com amarelo (tão alegre e primaveril que fica...); o rosa com lilás (extremamente romântico!); o rosa com marron (a combinação da moda); o rosa com branco (clássico); e a mais nova dupla que me encantou, o rosa com vinho (que cria um clima romântico e ao mesmo tempo sofisticado)...

Ah, e tem só mais uma outra certeza, né: o noivo!!!! Rs rs rs!

E vocês, já têm alguma? Olha, aceitem um conselho de amiga: se já tem pelo menos o noivo, começa a pensar logo, porque é muuuuuuita coisaaaaaaa!!!! 


Tudo isso dá mesmo um trabalhão, gente...

Mas posso garantir que é MUITO GOSTOSO!!!! E lá vamos nós!!!

Beijinhossssssss

___________________________________________________

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Contagem regressiva: Falta 1 ano!



Acabando com o mistério sobre a DATA ESCOLHIDA, revelo hoje ao mundo que... tchan-tchan-tchan-tchan...

Falta exatamente UM ANO para o nosso casamento!!!!

Ai, meu Deeeeeeeeus!!!!

Marcamos no dia 22 de outubro de 2011 - o dia que, embora não tenha nenhum significado especial para o mundo (e olha que eu procurei bastaaaante no Google...), será, a partir do ano que vem, um dia MUITO ESPECIAL para estes noivinhos aqui!!!

Vamos nos receber por esposos, através do maravilhoso sacramento do MATRIMÔNIO, que significa muito mais do que uma mera formalidade ou mudança no estado civil... Sim, é algo muito maior, não um mero acontecimento social, não uma simples cerimônia: é a mudança definitiva de duas vidas, que passarão a ser, aos olhos de Deus, como uma só!

"Por isso, o homem deixará seu pai e sua mãe e os dois serão uma só carne. Assim, já não são dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus uniu, o homem não separe!" (Mc 10, 5-9).

E isso é para tudo: na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, na riqueza e na pobreza, por todos os dias das nossas vidas, até que a morte nos separe...

Ai, ai, será que a gente tem paciência pra se aturar até o fim da vida?!?!?! rs rs rs... Se tem alguém aí com essa dúvida, é melhor pensar bem, hein!

Não é moleza, né?!

Pois é! Por isso é que, por maior que seja o amor, tenho que confessar: pensar na idéia de estar casando daqui a exatamente um ano dá um frio na barriga... Mas, ao mesmo tempo, dá uma alegria, uma ansiedade, ai!!! É um mix de sentimentos, muito difícil de descrever... Mas, vamos em frente!!!

Então... Foi dado o START no marcador!!!

Agora é a contagem regressiva!!!! E que Deus nos ajude!!!

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Nosso blog tá ficando chique!!!


Olá, queridos! Nosso blog está ficando muito chique! Fomos escolhidos pelo Portal Noivas Rio pra receber o selinho deles, que é esse bonitinho aí acima...


Eles têm uma seção chamada "blogs que amamos", onde divulgam mensalmente os blogs de noivas mais legais que encontraram na rede, e o nosso foi escolhido para ser um dos blogs divulgados por eles no mês de outubro!!! Muito legal, né!


Ah, e além disso, nós ainda vamos concorrer a um presente para a casa nova no final do ano, se o blog for o mais COMENTADO lá no portal... Não é o máximo?! Comentem pra nos ajudar a ganhar!!!!! Aí vai o link direto pra lá: http://noivasrio.blogspot.com/2010/10/agosto_14.html

O portal oferece diversas informações super úteis pras noivas do RJ, como indicação de fornecedores de TODOS os serviços que a gente precisa pra tornar o grande dia realmente um SONHO!!!

Enfim, fiquei muito feliz com a escolha, e gostaria de agradecer publicamente ao Portal Noivas Rio por estar divulgando nosso bloguinho!!! :)

Bjos!!!

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Vídeo-Retrospectiva - Registros do nosso amor!!!!




Vídeo-retrospectiva - Camila e Paulo
Direitos Reservados ***


Há momentos na vida em que tudo parece convergir para que algumas coisas aconteçam, né? O lindo vídeo que postei acima é obra do meu amado, e surgiu de uma idéia tirada das minhas andanças pelo mundo das rodadas de casamento do Orkut, somada ao mais novo talento desenvolvido pelo noivo nas últimas semanas - o de produzir vídeos!

Bom, ele começou fazendo vídeos para uma campanha do trabalho, e fez tanto sucesso que começou a receber "encomendas" de alguns colegas para homenagear pessoas especiais, e foi se empolgando... rs!

Então, na mesma época, estava eu navegando pelas "rodadas" de serviços do Orkut e me deparei com uma fornecedora de VÍDEO-RETROSPECTIVA. Daí pensei: o que será isso? E entrei no link que direcionava pra um vídeo com MUITAS FOTOS de um casal, produzido especialmente para ser exibido no telão, no dia da festa de casamento.

Vocês devem estar pensando "ah, mas essa idéia de passar um vídeo no telão não é exatamente nova", né?! Já vemos isso nas festas há tempos...

Mas, o que a gente está acostumada a ver são aquelas filmagens de debutantes ou casais, tudo com figurino produzido, maquiagem, luz profissional, com seus personagens caminhando, posando e sorrindo, tudo produzido em lugares lindos como o Jardim Botânico, ou numa praia, etc, etc, etc...

Bem, com todo o respeito a quem fez ou fará algo naquele estilo, o conceito da vídeo-retrospectiva traz algo muito diferente, e na minha opinião, bem mais interessante: ele é um vídeo que CONTA A HISTÓRIA do casal, mostrando os registros da vida real!

É o seguinte: são escolhidas fotos tiradas ao longo da história dos pombinhos, por eles mesmos, algumas engraçadas, românticas, etc, mescladas com vídeos caseiros, enfim, registros nada profissionais ou perfeitinhos, mas que trazem recordações deliciosas de cada história, de um jeito nada padronizado, e sim absolutamente personalizado! Afinal, cada imagem traz uma lembrança que nos remete àquele dia, àquele momento especial, àquele lugar que amamos conhecer...

Ah, e tudo isso tem que incluir, é claro, os familiares, amigos, parentes - de preferência, todos os convidados devem aparecer pelo menos alguma vez - e isso faz com que eles se sintam carinhosamente homenageados, vendo que são realmente parte da história do casal!!!

Não é difícil imaginar a reação das pessoas, né?! Sobretudo naqueles casos em que há tooooooda uma história de vida juntos antes do casamento, como aqueles que se conhecem desde a infância, ou que eram só amigos antes de iniciar o romance, ou mesmo aqueles que namoraram muito tempo até desencalhar (rs) - aí é que fica ainda mais legal, porque haja história pra contar em forma de vídeo!!!

Eu e o noivo já rimos um bocado falando sobre isso, porque nós simplesmente A-M-A-M-O-S tirar foto e vão ser quase 7 anos de história pra contar (tecnicamente, casaremos faltando exatamente 10 dias pra completar 7 anos, rs)...  Dá pra imaginar?!?! A gente tem vídeos e fotos pra muito mais do que cinco horas de festa, sem repetir!!!

Então, desde o dia em que tivemos essa idéia, eu venho perturbando meu futuro maridinho pra fazer começar a fazer o nosso vídeo-retrospectiva, e finalmente ele saiu! (A versão miniatura dele, na verdade, porque a gente ainda tem muuuuuuitas coisas pra acrescentar para passar no telão do casamento...)

E o meu lindo, todo fofo como sempre, resolveu ainda acrescentar texto ao vídeo, mesclando a letra da música com uma linda declaração de amor!!!! Então, quero compartilhar com vocês esse produto de uma tarde de domingo chuvosa e inspirada... rs rs rs!!!

Amo você, meu amor!!!

E aí, alguém se anima a fazer um desses pro casório??? O que vocês acharam idéia?!?!?!?

OBS.: Se quiserem, eu até alugo o noivo - preço sob consulta - pra fazer o vídeo, hein!!!! E tudo sempre intermediado por mim... Nem adianta alguma espertinha querer se animar!!! :P

________________________________________________

*** É ABSOLUTAMENTE VEDADO O USO NÃO AUTORIZADO DE NOSSAS IMAGENS EM QUAISQUER OUTROS VEÍCULOS DE COMUNICAÇÃO! OBRIGADA!

sábado, 2 de outubro de 2010

Bloguinho bombando!!!!



Gente, quantos comentários no último post!!! Fico até vermelha... rs! E estamos com quase 500 acessos, nossa!!!

Bom, passei pra dizer um super OBRIGADA pelas palavras de apoio, meninas! Vocês são umas fofas!!! Tô na torcida pra que todas realizem o casamento dos sonhos o quanto antes!!!!

Ah, e não precisa agradecer a homenagem, Amiga Noiva, porque foram palavras ditas (ou melhor, escritas, rs) de coração!

Obrigada!!!!

Beijos!!!

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Casar é possível... E como é bom ser noiva!!!


Olá!

Hoje não quero falar sobre decoração, preparativos, checklists, orçamentos, nada disso...

Quero compartilhar com vocês uma grande alegria que senti hoje, porque achei muito bonito ter sentido isso... Sabe, quando a gente escuta uma história de dor, de mágoa, e se identifica - e parece que está revivendo uma dor que já aconteceu com a gente?

Pois é, hoje eu vivi isso, só que com sentimento bom!

Recebi uma notícia hoje, e fiquei me sentindo tão feliz que foi como se eu mesma estivesse revivendo esse momento: minha mais nova amiga ficou noiva!!! (pode deixar, vou preservar sua privacidade, porque sei que vc morre de vergonha... rs)

Há poucos meses, ela achava que casamento era algo impossível de pensar neste momento - "sou pobre, tenho pouco dinheiro, precisamos ter mais segurança, um trabalho melhor, etc, etc, etc..."

Bem, e a gente começou a conversar um pouco mais sobre isso, e eu comecei a mostrar pra ela que, afinal de contas, tecnicamente falando, meu salário é ainda mais pobre que o dela e eu estou de casamento marcado! Então, ela descobriu que casar é possível, mesmo quando não se é milionária! (e nem está perto disso...Rs!)

Eu, mais do que ninguém, sempre tive essa idéia de que precisava ser mega bem-sucedida profissionalmente PRIMEIRO, necessariamente, pra só DEPOIS pensar no casório. Até porque, sempre sonhei com uma festa linda, uma lua-de-mel na Europa, uma casa super luxuosa... Mas, também sempre pensei que a vida profissional ia deslanchar mais rápido, só que a vida de prestar concursos públicos não funciona exatamente assim... E aí, devia ficar esperando até quando pra viver o sonho de dividir a vida com o meu amor???

Muitas coisas aconteceram, e me fizeram ver TUDO de um jeito muito diferente, quase o oposto do que eu via antes... Descobri que tudo isso que eu sonhava não teria o menor valor sem o meu amado - simplesmente, não fazia sentido, eu nem desejava mais conquistar nada disso sem ele!!!!

Então, eu desisti dos meus objetivos, dos meus sonhos!??!?!?! Claro que não!!! Só aprendi que a vida não tem uma ordem pré-fabricada pras coisas acontecerem, ué! A vida não para pra esperar a gente realizar uma coisa, depois outra, tudo bonitinho do jeito que planejamos... Afinal de contas, uma coisa não exclui a outra - parece simples para algumas pessoas entender isso, mas, acredite, pra mim não foi: você não precisa ser milionária pra casar!!!

Às vezes, é preciso um plano B - ou C, D, E, F... E quem sabe até o novo plano não se mostra muito melhor que o primeiro?!?!!? Só lá na frente é que vamos descobrir! O que não dá é pra ficar só martelando sempre no mesmo plano A, A, A... e deixar a vida passar!!!!

Descobri que eu POSSO sim realizar o meu casamento, dentro da NOSSA REALIDADE, e ele mesmo assim vai ser um SONHO, e eu poderei desfrutar de muitas alegrias com meu amor desde logo, então não faz sentido deixar pra depois!!!

E todos aqueles sonhos?!?!? E a casa maravilhosa, a grana pra viver se divertindo como quiser, a viagem pra Europa... ?!?!?! Os sonhos continuam bem aqui, dentro de mim, e eu continuo correndo atrás deles! Luto por eles TODOS OS DIAS, estudando, aproveitando a flexibilidade do meu trabalho pra estudar, e persistindo, porque SEI que vou conseguir! Sabe, uma vez, o noivo me perguntou uma certeza - e eu disse: o SUCESSO! E eu acredito nele!

E eu VOU me casar no ano que vem, do jeito que for, da melhor forma que puder, porque simplesmente NÃO QUERO mais ficar morrendo de saudades todoo dia, deixar de estar ao lado do meu amor todos os dias, e o fato de estar casada não vai me impedir de continuar buscando os meus objetivos!!!

Por isso, 2010 vai ser o meu último ano como solteira!!! Vou me casar no ANO QUE VEM e sei que vai ser MARAVILHOSO!!! Terei o meu maridinho TODOS OS DIAS comigo, só pra mim!!! Rs! E vou poder conversar HORAS com ele todo dia de noite (eu nem sou faladeira... só pareço uma metralhadora de palavras... rs), e poderei namorar à vontade sem ninguém pra atrapalhar (oba!), e vou ter o companheiro que tanto adoro sempre juntinho comigo, me incentivando, me apoiando, me amando, e SEREI MUITO FELIZZZZZ!!!!!

E a minha amiga?!?!?!

Bem, ela acabou se empolgando um pouco mais com o assunto, e resolveu "intimar" o namorado a pensar melhor no caso, os dois começaram a fazer contas... E não é que o menino se empolgou?!?!? Começou a fazer altos planos e só falar de casamento, fazendo concorrência a muita noiva desligada que anda por aí só exibindo a aliança e nada de pôr a mão na massa...

Depois de muitos cálculos complexos e avaliação das prioridades de cada um pra começar uma nova vida, os pombinhos se animaram e descobriram que o que eu disse era mesmo verdade: casar é possível, gente!

Enfim, a história teve seu final feliz: minha amiga foi pedida em casamento no último sábado, e estava hoje toda boba exibindo sua linda aliança!!! (Detalhe: comprada na mesma loja que a minha... rs rs rs).

E o agora-noivo ainda fez todo um esforço pra fazer surpresa,  comprou a aliança sem avisar, criou um clima de suspense pra tornar a ocasião especial, levou-a pra jantar num lugar diferente, enfim: foi um fofo!!! Tudo bem, ela me disse que ele estava tão nervoso e morrendo de vergonha, que a situação ficou até engraçada, mas valeu o esforço, né, amiga!!!

Bem-vinda ao clube das noivas!!!

Eu, com toda essa história, pude reviver a alegria de saber que sou NOIVA! Gente, é tão lindo ser noiva! Pensa bem: você encontrou com quem deseja compartilhar a sua VIDA, pra sempre! Isso é muita coisa, gente... E esse alguém TAMBÉM QUER passar a vida toda ao seu lado!!!! Pensa bem: não é algo maravilhoso?!?!?

Num mundo em que as pessoas andam tão solitárias, deprimidas, num mundo de tantos desencontros, mágoas, com tantos solteiros(as) convictos, e tantos desesperados atrás de um romance... Ser noiva significa que você está vivendo uma outra realidade, está vivendo um sonho! A plenitude do encontro de duas almas que se reconhecem, descobrem que se completam e não querem mais se separar NUNCA!!!

Ah! Tudo isso me fez lembrar o quanto é BOM ser NOIVA!!! Que por mais que as coisas pareçam difíceis, é só confiar em Deus que no final tudo dará certo! O importante é saber que o homem que eu amo corresponde o meu amor, e QUER passar a vida toda comigo, e viver o sonho do nosso casamento, que será o mais lindo de todos, e construiremos uma família linda, admirável, um lar de AMOR!!!

Então, só tenho a agradecer a Deus por essa bênção que é ser noiva - OBRIGADA, SENHOR!!!

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Decoração Marrom com Rosa - a combinação da moda!!!


Se você está entrando nesse mundo casamentício agora, provavelmente deve achar que marrom + rosa é uma combinação inusitada, certo???? Então, você está por fora!!! Essa é nada mais nada menos do que a última combinação da moda!

Pode buscar na internet decorações de casamento que você vai comprovar: o marrom com rosa veio com tudo pras festas de casamento, e tem surpreendido pelas possibilidades que oferece na decoração!


Muitas meninas não querem optar pelo rosa "puro" pra festa de casamento porque temem a decoração com cara de festa de 15 anos, e ao mesmo tempo desejam fugir do tradicional rosa com branco: daí alguém teve a brilhante idéia de juntá-lo a uma cor que ninguém costumava usar em festas e... Não é que deu certo?


O marrom traz uma maior sobriedade à decoração e retira qualquer ar debutante que o rosa poderia transmitir. E pra quem pensa que o marrom deixa a decoração sombria, escura, ou séria demais, as imagens acima comprovam que basta usar bolinhas, listinhas, lacinhos, e outras coisitas fofas que a decoração pode ficar um charme - e ainda causa surpresa em muitos convidados!!!!


E entãoo que acham, meninas???!!!

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Decoração vermelha!!!!


Bom, abrindo nossos posts sobre decoração, segue uma miscelânea de decorações vermelhas pra quem estiver interessada nessa cor buscar sua inspiração!

Normalmente usado junto com o branco, o vermelho é uma cor quente e forte - deve ser usada com cautela, pra não pesar demais pra uma festa de casamento!

Mas, ao mesmo tempo, se bem dosado, pode transmitir melhor do que qualquer outra cor a mensagem que inspira o casal organizador da festa nesse grande dia: a PAIXÃO!!!

Que tal?!?!?!

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Os próximos passos...




Bom, pelo tempão que não posto nada aqui deu pra perceber que depois da maratona da escolha do trio salão/buffet/igreja, esse casal se deu ao luxo de tirar umas "mini-férias" do assunto casamento, né?

Foi até inconsciente, mas depois de rodarmos tanto à procura da igreja, acabamos deixando um pouco aquele ritmo frenético dos últimos meses, de só pensar no casamento o tempo todo, visitar lugares e tomar decisões... Ufa! Não foi mole, não... Casar dá muito trabalho, gente! E olha que nós estamos apenas começando!!!

Mas, como agora já temos uma data definida (mistério... rs), não podemos ficar de moleza, né? Ai, que nervoso, por mais que ainda falte muito, já começa a contagem regressiva!!!

E agora? Quais serão nossos próximos passos????

Sei lá! Tô mais parecendo uma barata tonta:
-um dia, acho que temos que ir urgente visitar os fotógrafos pra conhecer o trabalho de cada um e fechar logo pra começar a ir pagando;
-outro dia, acho que a lógica agora é decidir a decoração, até pra conversar com a responsável pelo salão na nossa próxima visita, que deve ser dia 25 deste mês;
-definir a nossa identidade visual (conceito que será mais bem explorado em post específico, em breve...)
-outra hora, o noivo me convenceu de que precisamos providenciar com urgência o convite aos nossos padrinhos;
-dia desses, me empolguei com umas promoções e comecei a só querer ver os móveis pra decorar a casa (E, nesse embalo, acabei achando a geladeira super em conta, e mamãe comprou pra nos dar de presente! Iupi! Ela chegou hoje e é LINDA!!!)
-ou então, será que a gente deveria definir a questão dos doces, das lemmbranças, dos convites... ????????

Gente, preciso fazer um checklist URGENTEEEEE!!!! Rs rs rs... Parece um infinito de idéias vagando soltas na minha cabeça, e por mais que eu tente me organizar, fazer planilhas, e criar mil pastinhas e subpastinhas no computador, estou ficando com a sensação de que tá tudo uma bagunça!!!

Me sinto dentro daquela música do Caetano: "caminhando contra o vento, sem lenço, sem documento..." , só que no meu caso é assim:

"Caminhando para o casamento, sem foto, sem muito tempo,
quando piscar será dezembro, eu vou...
Entro em rodadas do orkut, e blogs de casamento,
Idéias pra enxugar o orçamento, eu vou...

E até clareamento pros dentes,
bem-casados,bombons de licor,
convites,mesas,cadeiras,
E tudo em nome do amor...

Vestidos lindos na revista me enchem de dúvidas e preguiça
Vai ser difícil achar o meu vestido, mas eu vou!

Por entre fotos e nomes, e mil paletas de cores,
Me perco entre tantos fornecedores...

Eu vou, por que não? Por que não..."

Rs, rs, rs...

Na verdade, já peguei vários modelinhos de checklist na internet, mas preciso definir o NOSSO, personalizado para as nossas necessidades, né? Aliás, mais do que um checklist, preciso mesmo é de um CRONOGRAMA!!!! Ai bateu um medo do tempo passar e a gente começar a ficar totalmente enrolado pra resolver tudo!!! Quero muito curtir toda essa fase dos preparativos, que é única na vida de um casal...

Mas, calma, calma, calma!!! Respirando fundo... Rs!

Vamos lá: uma coisa de cada vez,  tudo tem o seu momento, e no final tudo acaba dando certo!!! (Essas frases são ótimas, né? Todo mundo fala pra acalmar os outros, mas ninguém acredita nelas a ponto de não se desesperar em alguns momentos...)

Enfim, depois de uma reunião de negócios com o noivo (rs), definimos as prioridades e traçamos novas metas agressivas, logo, nossos próximos passos serão:

1- Organizar o checklist-cronograma; e
2- Decidir a(s) core(s) da decoração

Assim, a partir de hoje, vou postar as idéias de cores de decoração que tenho encontrado nas minhas andanças pelo cyber espaço, ok? Quem tiver idéias, sobretudo envolvendo a cor ROSA, minha predileta, pode me mandar!!! E se alguém tiver um bom cronograma, também pode compartilhar que ficarei muito grata!!!

Afinal, como já dizia o sábio e saudoso Chacrinha, nesse mundo nada se cria, tudo se copia... E quem é que vai dizer que ele não tinha razão?!?!   ;)

terça-feira, 31 de agosto de 2010

A Escolhida!

Paróquia Nossa Senhora da Apresentação - Irajá

E a novela das igrejas finalmente chega ao FIM!!!

Na semana passada, estabelecemos como objetivo tomar uma decisão definitiva sobre a igreja, e como vocês viram no post anterior, o dilema era enooooorrmmeeeee.... Mas já não dava mais pra continuar na indecisão, né?!?! Assim, sem exagero, a mamãe e o noivo já estavam ficando enlouquecidos de tanto me ouvir falar dos prós e contras de cada uma!

Bom, aí pra tentar pôr um fim na pendenga, comecei na 2ªf passada a elaborar uma SUPER PLANILHA (mais uma, na verdade, porque a gente já fez várias... rs). Dessa vez, foi um PLANILHÃO mesmo, pois resolvi incluir os gastos com a nossa futura casa, a lua-de-mel, o dia da noiva, e tudo o mais que vocês possam imaginar (juro que só faltou incluir os gastos com lingerie... rs rs rs)!

E foi aí que minhas esperanças de casar na capela foram por água abaixo de vez: mesmo com uma super ajuda financeira que vamos ter, ainda ia faltar muuuuuuito din-din... E ninguém merece casar todo endividado, né?!?!?!

Pois é, então depois de horas perturbando o juízo da minha mamãe com as estimativas de gastos pra colocar no planilhão, chegamos à conclusão que não dava pra casar na capela real... Simplesmente, era financeiramente inviável!!!

Isso tudo fora o detalhe de que quase todos os nossos convidados iam ter que se despencar, nada mais nada menos, do que de Irajá e Nilópolis para o Flamengo, e como quase ninguém tem carro, seria necessário alugar um ônibus... Surreal, né? Já tava até imaginando eles desembarcando lá na porta da igreja, todos ao mesmo tempo, no melhor estilo Família Buscapé!!! (Que horror, até que seria cômico... rs)

Então, como não tinha outra opção mesmo, estava decidido: o casório seria na N. Sra. do Carmo, perto de casa, do salão, etc... Fui com o noivo até o salão na 3ªf e fechamos o contrato! Pena que quase não tinha data nenhuma de sábado disponível, então fechamos no dia que tinha vago (surpresa, conto depois...).

E, assim que chegamos do salão, tive uma crise de choro!!! Não conseguia mais parar de chorar, sem entender direito por que, mas era incontrolável, uma coisa horrorosa!!!! Me deu uma sensação tão estranha - parece que só aí caiu mesmo a ficha que era de verdade!!!

Só que a semana foi passando, passando, e eu não estava me sentindo realmente feliz com a escolha, nem parecia que tinha resolvido o dia mais importante das nossas vidas!

Sei lá, quando fechava os olhos, simplesmente não conseguia imaginar meu casamento lá naquela igreja IMENSA, só com "meia dúzia de convidados pingados", e seria tão estranho entrar na igreja e nem conseguir enxergar o rostinho emocionado do noivo ao me ver (tudo bem que eu já sou míope, então provavelmente não vou mesmo enxergar muita coisa... rs)!!!

É difícil explicar, mas eu não sentia que era pra ser ali! Sei que pra muitos isso tudo é bobagem, o importante é casar com quem se ama...

Mas, pra mim, o casamento sempre foi um sonho, e não estava conseguindo me sentir realizando um sonho! E sempre tinha sonhado meu casamento com detalhes, sabe? Numa igreja pequena, em que eu pudesse entrar olhando nos olhos do noivo; e que tivesse uma linda imagem de N. Sra. bem no alto pra eu entrar tb olhando pra ela; e que fosse num estilo antigo, meio barroca, sabe? Eu até podia ver, quando sonhava acordada, que era uma igreja pequena e antiga, com paredes meio douradas, e um belo lustre no teto... Mas a igreja que eu ia TER QUE casar não era assim!!! Poxa, que absurdo sonhar a vida inteira com um cenário pro sonho se realizar, e ter que mudar tudo a essa altura do campeonato!!!

Aí resolvi desabafar com mamãe, que pela milésima vez, ouviu as minhas lamentações da igreja ser enorme, do padre que nem me ouviu direito, blá-blá-blá... E ela me sugeriu que fosse visitar uma igreja que eu havia descartado sem nem visitar... E foi aí que tudo começou a mudar!!!

É uma igrejinha pequena, barroca, de N. Senhora, beeeeem antiga (uma das mais antigas do RJ, segundo a Wikipedia), e que fica pertinho de casa (embora não fique na rua ao lado do salão), e que eu já conheço há milênios, e sempre achei bonita... Então, por que afinal de contas eu nunca havia pensado em me casar lá?!?!?! Porque é a igreja que fica ao lado do CEMITÉRIO de Irajá!!!! E desde o início eu sempre disse que não queria me casar na porta do cemitério!!!!

Mas, mamãe disse que eu devia pensar melhor, porque a igreja é muito bonita e não era bem exatamente na porta do cemitério: sua entrada fica até razoavelmente afastada da igreja (entre eles tem algumas lojinhas de flores, coroas, bar e até um colégio)...

Na mesma hora, corri pro computador, pra buscar imagens do interior da igreja, que eu não lembrava direito, e achei muito pouca coisa. Bom, nem preciso dizer que ficou a pulga atrás da orelha, né?

Então, arrastei o noivo pra lá no domingo de manhã e, finalmente, encontramos o NOSSO LUGAR ESPECIAL!!! E o mais engraçado é que ela nem fica do lado do salão, estava toda descascada por fora, e com os detalhes dourados já totalmente desbotados, mas nós adoramos a idéia de casar lá!!!! Parece que Deus nos mostrou que era pra ser ali, sabe?!?!?

E o melhor ainda está por vir: a responsável pela organização de casamentos estava lá, e quando fomos falar com ela recebemos a notícia de que a igreja entrará em REFORMA na próxima semana, e que a previsão é de que a obra termine antes da nossa data!!!!! Dá pra acreditar?!?!?!?! A igreja vai estar toda lindinha e restaurada pro nosso casamento... Perfeito!!!!!!! Estamos muito felizes com A ESCOLHIDA!!!

Dêem uma olhadinha com calma novamente nas fotos lá em cima do post: a igreja não é linda?!?!? Comentem o que acharam... Não é uma gracinha!?!??! Imagina depois da reforma!!!!!

Viram só?!?!?! Eu sabia, lá no fundo, que ainda ia encontrar a igreja certa pra realizar meu sonho!!! Obrigada, Jesus!!! Sabemos que nunca nos abandonas, e queres a nossa plena felicidade - acabamos de ter mais uma prova!!! Muito obrigada, de coração!!!

PS.: Ah, e mais um detalhe - lá eles aceitam até casar em dia de domingo... rs...

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Que dúvida!!!


A montagem acima foi feita pelo noivo e resume tudo do nosso momento: acabando de vez com o mistério das igrejas, revelo a vocês que depois de tanto pesquisar e visitar igrejas, lá estamos nós mais uma vez diante da seguinte dúvida cruel:

Capela Real x Paróquia N. Sra. do Carmo

E agora?!?!?!
Uma fica super perto de casa (Vicente de Carvalho), é bonita, tem um salão com buffet bom na rua ao lado, mas é enoooorme pro nosso número de convidados, tem limite de padrinhos, e um monte de exigências chatas, e o tal salão já não tem mais a data de 01/10/2011...
A outra fica muuuuuuito longe de casa (no Flamengo) e de todos os convidados, é caríssima (tipo mais de 4 x o valor da outra), não tem nem a mobília no salão, mas tem o salão juntinho da igreja, é pequenininha, toda fofa, lindinha, um sonho... E tem a data! Mas, e se a maior parte dos convidados não for, por ser tão longe?!?!?
Será que não dava pra inventarem um jeito de teletransportar a igreja do Flamengo pra cá, não!?!?!?
Ai, ai, ai!!!

domingo, 22 de agosto de 2010

1° de maio: NÃO!!!

Bom, já dava pra imaginar pelo sumiço desse bloguinho que toda aquela minha euforia e otimismo deram com os burros n'água, né? O Pároco da bendita igreja escolhida deu um sonoro NÃO ao meu pedido de fazer o casório em 01/05/2011, que cai num domingo!!
Poxa vida! Ele nem ligou pros meus argumentos de que era um dia importante pra nós, o mês das noivas, um feriado, e nem iria atrapalhar as missas... Não, não e NÃO!!!Então tá, né!!!

Confesso que na hora saí de lá com muita raiva - poxa, não deu a mínima para o que eu falei, esperei tanto tempo pra falar com ele, levei tanto tempo pra decidir, e simplesmente ouvi com a maior indiferença um "escolha qualquer outro dia da semana pra casar, domingo não é dia de celebrar casamento"!!! Como assim??!?!?!?!

Quem já foi num casamento domingo, levanta a mão aí, por favor !?!?!?! Fala sério, que argumento mais furado pra não querer abrir exceção...

Enfim, passada a fase da revolta (porque não adianta ficar lamentando a insensibilidade alheia, né?), começamos a busca por uma nova data... E decidimos escolher um SÁBADO, acreditando que dessa vez não teria qualquer obstáculo (tolinhos!)...

Reviramos o calendário de 2011 de baixo pra cima, de cima pra baixo, de um lado pro outro, procuramos dias 1°, feriados, dias santos, até que... (ufa!) encontramos nossa nova data: 1° de outubro!!!
Atributos da nova escolhida:
- É um sábado (agora a igreja não vai ter desculpa...)
- É dia 1° (uhu, nosso dia!)
- Nos dá mais tempo pra fazer tudo sem ter que contar as moedinhas (A grana tá cada dia + curta! Rs...)
- É um dia com significado legal, dia de Santa Terezinha (legal, melhor do que se caísse no dia dos emos, por exemplo, dia de finados, ou dia de qualquer outra coisa nada a ver com casamento)

Bem, não é um feriado, mas aí também já seria querer demais, e a gente já tá concordando em abrir mão de algumas coisas...

Well, well, well, problema resolvido, então?!?!?!

Que nada! Liguei pro salão próximo à igreja e descobri que lá não tem mais essa data! Buaááá... Assim não dá, né! E o pior: não tem nem essa data, nem sábado nenhum de outubro, nem de novembro, nem de maio, nem de abril... Como assim, gente? De onde o povo tá tirando tanto dinheiro pra casar?!?!?! Casar é muito CAROOOOO!!!!! E ainda dizem que o povo tá pobre e só junta escova de dentes: tá nada, tá todo mundo casando, ou pelo menos resolveram casar só em 2011!!!! (Será que acreditaram naquele filme, o 2012, e acham melhor se casar antes que o mundo acabe?!?!?!?)

Enfim, a data está novamente em aberto... ( e eu que achei que difícil fosse escolher o vestido... aff...)

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Cruzando os dedos...


Após a maratona que vocês acompanharam, como já disse antes, escolhemos meio que "por eliminação" uma Igreja que é bonita e perto de casa pra realizar o casório...

Mas, nada podia ser tipo a Oi - "simples assim", senão não teria graça, né! Então, lógico que não foi escolher a igreja, ir lá marcar e pronto...

A nossa data perfeita cai num DOMINGO e, segundo informações da secretaria paroquial, lá não se realizam casamentos aos domingos!

Bem, como eu sou brasileira e não desisto nunca, insisti com a pobre da secretária que tinha que ser no domingo, que tinha que ter um jeito, blá-blá-blá...

Enfim, gastei todo o meu latim de boa advogada, porque sei que toda regra sempre tem exceção e - tchan-tchan-tchan-tchan... - ela me revelou uma luz no fim do túnel! Disse que a REGRA da paróquia é só fazer casamentos aos sábados, mas que, se o pároco autorizasse, poderia ser marcado num domingo!!! (Aha! Eu sabia que tinha uma chance!)

Então, AMANHÃ é o grande dia: depois do trabalho vou direto pra lá, e finalmente vou conversar com o frei responsável pela paróquia, pra pedir uma AUTORIZAÇÃO ESPECIAL pra casar no domingo dos nossos sonhos! Rs...

Fala sério, muito cara-de-pau, né? Nem sou da paróquia, não conheço o frei, e vou lá só com a cara e a coragem pedir pra quebrar as regras só pq a data é especial para nós!!!! Mas, se eu não tentasse, definitivamente não seria EUZINHA! :)

Sodear friends, cruzem os dedos,  lembrem de nós nas suas orações e nos ajudem a torcer pra conseguir marcar o nosso grande dia na data PERFEITA! Se tudo der certo amanhã, revelarei todos os detalhes da igrejinha escolhida muito em breve, com fotos e tudo o mais!!!


------------------------------------------------------------------------

OBS: Só pra esclarecer... Ok, sou católica de verdade, daquelas que levam a sério mesmo, e nem acredito em superstições do tipo cruzar os dedos, tá? Sei que todas as coisas estão nas mãos de Nosso Senhor Jesus Cristo, que está olhando por nós, abençoando nosso casamento, e que se for da Sua vontade, Ele nos ajudará a conseguir a igreja para o DIA perfeito, o dia que Ele preparou para nós desde toda a eternidade, quando concebeu o nosso amor! É só uma força de expressão, ok?!  ;)

domingo, 1 de agosto de 2010

Nosso casamento - uma gestação!



Gente, o tempo passa muito rápido mesmo! Hoje estamos completando 5 anos e 9 meses de amor... E eu me dei conta de que faltam apenas 9 meses para o nosso casamento, pelo menos se for na data que sonhamos, dia 01/05/2011!

Como assim!?!?!?!?!??!

Bate um friozinho estranho na barriga de pensar que daqui a exatos nove meses estaremos realizando nosso sonho, né?! E saindo da casa da mamãe, e tendo a nossa própria casa, tendo que arcar com as nossas próprias contas, e tendo todas as responsabilidades de manter um lar... Meu DEUS!!! Será que vamos conseguir mesmo? Será que a grana vai dar, será que vai dar tempo de organizar tudo, será que vai ser do jeito que sonhamos?

Deus nos diz para confiarmos n'Ele, que é nosso Pai misericordioso, e não deixarmos nosso coração se perturbar... Afinal, desde o antigo testamento, Sua Palavra nos diz que "O Senhor proverá". Eu sei, eu sei... Mas, somos humanos, né! E que bate um medo, uma coisa, bate!

Só que, pensando bem, não há razão para desespero... 9 meses são + ou - 270 dias, é coisa pra caramba! Até lá, completaremos 6 anos juntos, passaremos por mais um Natal, Ano-novo, virá o 13° salário do noivo (oba!), a participação nos lucros dele tb virá (uebaaa!!!), eu terei (se Deus quiser!) um novo trabalho, receberei a graninha de alguns processos (iupiiii!!!), e muitas outras coisitas mais...

Afinal, se em 9 meses Deus forma um SER HUMANO inteirinho, com toda a perfeição e complexidade, feito à Sua imagem e semelhança, o que dizer de um simples CASAMENTO?!?!?!? O que é a realização de um casamento, ante aos olhos de DEUS, que criou o Céu, a Terra, e tudo o mais?!?!

O negócio é acreditar, confiar no poder de Deus, nas bênçãos que ele derrama sobre o nosso amor, e ir em frente... Se for da vontade d'Ele, com certeza, daqui a nove meses, vai nascer!!!

____________________________________________________

PS.: Não reparem, não, esse nem é um post desesperado. É só que está caindo a ficha, entendem? Depois a gente acostuma, e tudo vai dando certo, né? (assim espero, rs!)

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Quase lá...

Depois de mais ou menos dois meses batendo perna atrás de igrejas, buffets, salões e afins, acho que estamos quase lá! Êêê!!!

Visitamos com certeza umas dez igrejas próximas e distantes de onde moramos: umas caindo aos pedaços (literalmente, rs); outras nem sequer existiam; outras eram lindas, mas distantes (no sentido geográfico e econômico!)... [1]

Os buffets? Vimos cada trabalho mais lindo que o outro; decorações simples e bonitas; outras um tanto ultrapassadas; buffets com tudo o que se pode imaginar; buffets sem nadinha de nada, com quase tudo a ser contratado por fora...[2] Foram planilhas e mais planilhas de cálculos, pedidos de novo orçamento... Ufa!!!

Não dá pra negar que foi cansativo, e até estressante algumas vezes, mas acho que valeu a pena!

Vivemos momentos lindos de oração em algumas igrejas que visitamos, em especial, tivemos um momento de oração juntos na Paróquia Jesus Ressuscitado (Lgo do Bicão), onde fomos recebidos com muito carinho; nos deliciamos com as degustações de salgadinhos, docinhos, etc; conhecemos pessoas super atenciosas como a Andréia do CER eventos, a equipe da ER Produções, a Camila da Tropical Festas, e o casal do JR Buffet; andamos perdidos em cada buraco que até Deus duvida; nos empolgamos começando a imaginar a concretização do nosso sonho em cada lugar visitado... Por tudo isso, já valeu a pena!

Além do mais, ao final de tanta pesquisa, certamente ficaremos com a gostosa certeza de que estamos fazendo o nosso melhor! Afinal, queremos sentir que nosso escasso dinheirinho será muito bem investido!

Bom, e depois de tanta maratona, desistimos de ouvir sininhos mágicos tocando em algum lugar... Entendemos que Deus nos mostrará sempre o caminho a seguir, de um modo ou de outro! Que Ele abençoa o nosso amor e fará tudo ser especial para nós!

E, por isso mesmo, sabemos que é Ele quem vem nos mostrando, ainda que sem "efeitos especiais", como e onde iremos realizar o nosso tão sonhado matrimônio!!!

Na verdade, já foram eliminadas todas as igrejas e os buffets da nossa lista de possibilidades! Então, por que falar em "quase lá", ora bolas????  Explico: é que ainda não fechamos nada! Falta conseguirmos a autorização do Padre pra casar na nossa data especial, que é um domingo, pois lá, em regra, só fazem casamentos aos sábados; pegar um novo orçamento do buffet para o nosso novo número de convidados (nossa lista está uma novela à parte, um estica-e-puxa daqueles!) e conseguirmos o dinheiro para dar a entrada no buffet!

Vamos ficar na torcida... Em breve, se Deus quiser, teremos notícias!


________________________________________________________________
[1] Igrejas visitadas: Nossa Sra. do Amparo (cascadura); Sagrado Coração (Méier); Cristo Rei (Vaz Lobo); Jesus Ressuscitado (Lgo. do Bicão); Nossa Senhora do Carmo (Vic. de Carvalho); Capela Real (Flamengo); Coração de Maria (Méier); (...)

[2] Buffets que pedimos orçamento/visitamos: Tropical Festas; Village La Penha; Flamboyants; JR Buffet; CER eventos; ER Produções; Caso de Festa; Buffet Fashion; LGM; Letícia Barros; Esfera Eventos; Girassol Buffet; (...) 

domingo, 11 de julho de 2010

Nossa data - Primeiro de Maio


A data do casamento precisa ter um significado especial para o casal? Ou será que não faz diferença, porque o que importa é o amor?

Amor é amor, toda hora, todo dia, certo? Um casal que se ama estará feliz com o casório, realizando um sonho, seja em que dia for... Mas, cá entre nós, é tão bom quando temos a alegria de realizar esse sonho numa data cheia de significado, né?!?! Afinal, é uma data marcante, é pra sempre!
Em geral, não "escolhemos" as datas especiais em nossas vidas - a data em que vamos nascer, a data em que acontece o primeiro beijo, o dia em que começamos a namorar, o aniversário daqueles que amamos, o dia em que nascem nossos filhos... Nada disso se pode escolher! Mas, a data do casamento, sim, podemos!!! Infelizmente, já começamos a pensar em adiar a data, porque a grana é curta e o sonho é ENOOOOOORMEEEE...
Originalmente, escolhemos o dia Primeiro de Maio do ano que vem, e estamos rezando muito para que Deus nos ajude a realizar esse sonho NESSE dia, apesar do tempo ser curto e o $$$ também... Por quê? Veja como esse é O DIA PERFEITO:
- dia 1 é sempre quando comemoramos aniversário de namoro

- maio é tradicional mês das noivas

- 1 de maio é feriado, então sempre poderemos comemorar o dia juntinhos

- e, ainda, no ano que vem cairá em fim-de-semana!

Ainda, além disso tudo, pesquisando na internet, acabei de descobrir um pouco mais sobre a nossa data especial:

No dia 1º de maio é celebrado o Sabath de Beltane, ritual místico de alegria, amor, união, paixão e fertilidade. Assim, é a data ideal para se atrair um par perfeito ou uma ótima ocasião para celebrar o amor entre duas pessoas, pedindo harmonia e união para o casal. De onde vem isto? Há muitos séculos, os povos antigos (Celtas) celebravam um grande ritual chamado Beltane, que aliás, ainda é celebrado até os dias de hoje por alguns grupos místicos, sendo que Beltane é considerada uma data mágica onde se celebra o amor, o casamento e a fertilidade, já que segundo este costume, nessa data, o deus se apaixona pela deusa e eles se casam, vivendo um grande caso de amor.

Olha, eu nem acredito nessas coisas místicas, não... Mas, não é uma gracinha casar num dia com esse significado?!?!?!

domingo, 27 de junho de 2010


Somos um casal católico, e por isso fazemos questão de nos casar na Igreja, com as bênçãos da Santíssima Trindade. Até aí, tudo ótimo. Mas, QUAL seria a igreja mesmo???

Pois é, sonhamos com uma igreja especial, única, incrível... E começamos a saga em busca daquela que nos fará ouvir sininhos tocarem quando entrarmos nela! Mas, será mesmo que nossos corações irão pular nos dando O sinal em ALGUMA igreja???

Já visitamos praticamente todas as igrejas das proximidades, outras um pouco distantes, e nenhuma foi A escolhida...  No momento, as duas principais "concorrentes" são:

- Igreja Nossa Senhora do Carmo (Vicente de Carvalho)
- Capela Real (Flamengo)

Uma super pertinho da outra, pra não dizer o contrário... Na realidade, nós já visitamos essas duas e vamos dar uma segunda chance pra elas: a capela real pq nós já fomos lá há bastante tempo, e num momento meio conturbado das nossas vidas (vai ver que foi por isso que não deu pra ouvir os sininhos, né?); e a N. Sra. do Carmo porque apesar de termos ido lá algumas vezes, nunca reparamos muito bem nela com a intenção de pensar no casamento.

Então, vamos torcer e pedir a Jesus que nos ilumine nessa missão!

Será que todo casal passa por algo semelhante?!?!?

sábado, 26 de junho de 2010

O Planejamento


Em meio ao clima de excitação que vive o Brasil em tempos de Copa do Mundo, estamos finalizando o momento de planejar o nosso casamento e entrando na fase da execução.


De qualquer forma, o planejamento tem sido uma fase interessante... Mas, que tarefa árdua! Por quê? Porque no momento em que se chega à conclusão de que fomos feitos um para o outro, começamos a nos deparar com mais diferenças a cada detalhe do casamento que entra em pauta!!!


Somos um casal bem equilibrado:
- Eu gosto de planejar, ele de fazer;
- Eu tenho a necessidade de pesquisar muito antes de decidir, ele quer fechar negócio logo quando gosta de alguma coisa;
- Eu tenho mil e um "requisitos" a ser prenchidos pelo conjunto igreja + salão ideal, ele não esquenta com os detalhes;
- Eu quero reduzir a lista, ele não é a favor;
- Eu fico reparando nos pontos negativos de cada coisa pra avaliar, e ele só vê os positivos...


Ai, ai, ai!!!!


É preciso muito amor e compreensão pra um casal planejar o casamento!!!!

Que Deus nos ajude!!!